28 de set de 2011

O Voo do Passarinho


Passarinho quis voar
Pra bem longe de seu lugar
E num bater de asas constantes
Ele foi pra bem distante


Encontrou pelo caminho
Outros pássaros que lhe deram carinho
Mas sentia que alguma coisa faltava
Não sabia o que era, meditava


Olhava em volta, tudo diferente
Não era ali o seu ambiente
Sua família, seus velhos amigos
Distantes, sentia-se sem abrigo


Mas ele estava perdido, sem noção
Voou tanto, tanto, que perdeu a direção
Não sabia o caminho pra poder voltar
E tão triste ficou, se pôs a chorar


Mas um novo amiguinho, dele se aproximou
Chegou bem pertinho, e lhe perguntou
Por que você está chorando
Algo está lhe faltando?

O passarinho se acalmou
E pro amigo assim falou
Sinto falta de minha família
Mas perdi a minha trilha

Não sei se vou pro sul ou pro norte
Tenho medo de arriscar a sorte
E me distanciar de vez, me perder
Ficar longe de minha família, vou padecer

Mas seu novo amiguinho era bem esperto
Lhe disse, acho que de casa você está perto
Olhe bem para a paisagem
E faça sua decolagem


Avistará logo adiante
Um jardim muito brilhante
Por entre as flores encontrará seu ninho
E sua mamãe te acolherá com muito carinho

Mas tire dessa aventura uma lição
Não bata asas, se não souber a direção
Não se arrisque, fique esperto, tome tento
Antes que aconteça algum aborrecimento

9 comentários:

  1. Genial!!!Linda inspiração...

    E que os passarinhos sigam essa mensagem sempre..Vão e voltam...

    Sabem que a mamãe estará sempre pronta pra recebê-los e curar suas asinhas feridas...

    beijos,chica e adorei!!!

    ResponderExcluir
  2. Adorei o poema e as fotos!!!

    Estou sempre acessando o teu blog e lendo teus "escritos". Queria te oferecer um selo que ganhei recentemente:

    Este blog vale um filme

    Espero que goste. Você merece!

    Vicky

    ResponderExcluir
  3. Oi Majoli minha doce poeta!
    somos como passarinhos que vez ou outra perde o rumo rs
    as fotos são muito lindas - um encanto esse mundo das aves! eu nao me canso de admirá-las.
    e viajo nas suas asas!
    obrigada pelo belo poema
    com abraços

    ResponderExcluir
  4. Boa noite, tem um selinho infantil de uma amiga, Beatriz, pra ti em meu blog., passa la e repasse, nao quebre a corrente, ela e uma linda poetisa de 09 anos e merece...bjin e obrigada

    http://aindanaocresci.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Majoli, que bom que o passarinho aprendeu a lição!!!!!!
    E que bonita a poesia!!!!!!
    Adorei!!!
    Bjs do Neno

    ResponderExcluir
  6. Ai,que lindo esse poema!Uma historia com grande ensinamento para a s crianças!E fofa! Gostei tanto que poderia me mandar pra eu postar no Recanto dos autores?Bjs,

    ResponderExcluir
  7. olá minha doce amiga, depois de uma semaninha fora do ar com uma virose brava que me pegou, estou voltando... vim aqui voar com seus passarinhos... lindos lindos lindos...

    beijos no coração!

    Su.

    ResponderExcluir
  8. Olá,Majoli! Que blog bonito e cheio de alegria. Gostei muito de tudo por aqui. Amei esta poesia do passarinho. O melhor lugar pra gente ficar é junto da família mesmo. Já estou seguindo com muita felicidade e vou levar seu link comigo. Meu nome é Gabriel, tenho 7 anos e também tenho um bloguinho. Minha irmã Joana, de 12 anos, e minha mãe me ajudam. Gostaria muito de receber sua visitinha.
    Que Deus te abençoe!
    Abraços, do Gabriel

    mundodogabriel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. oi, vim aqui ler um pouquinho e vi o selinho do meu blog, obrigado, mas se quiser trocar, minha mãe me presenteou com um layot novo e tenho um novo selinho mais bonito! beijos

    ResponderExcluir